Frases para não se esquecer!

"O que ameaça a Democracia é a fome, é a miséria, é a doença dos que não tem recursos para enfrentá-la. Esses são os males que podem ameaçar a Democracia, mas nunca o povo na praça pública no uso dos seus direitos legítimos e democráticos.". - Presidente João Goulart, em 11/03/1964.

Joseph Pulitzer: "Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma."

"O sigilo não oferecerá nunca mais guarida ao desrespeito aos direitos humanos no Brasil"

(Presidenta Dilma Rousseff, ao sancionar a criação da Comissão da Verdade)

Emiliano Zapata: “Mais vale, homens do Sul, morrer de pé que viver de joelhos!”

domingo, 2 de março de 2014

Somente em 2014 cerca de 675.000 ucranianos buscaram refúgio na Rússia! - por Marcos Doniseti!

Somente em 2014 cerca de 675.000 ucranianos buscaram refúgio na Rússia! - por Marcos Doniseti!


Manifestação pró-Rússia na Crimeia.

Apenas nos dois primeiros meses do ano cerca 675.00 cidadãos ucranianos buscaram refúgio, em função dos graves e tensos problemas e conflitos políticos que se desenvolvem na Ucrânia. 

Isso explica porque a Rússia não pode ignorar o que aconteceu num país vizinho que possui 45 milhões de habitantes, sendo que muitos destes são russos étnicos ou que falam a língua russa e que estão sendo claramente ameaçados por extremistas e nazistas ucranianos que, agora, fazem parte do governo golpista do país, controlando a área de Segurança. 

Caso o caos se instale na Ucrânia, milhões de habitantes desse país fariam o mesmo e atravessariam as fronteiras, passando a viver na Rússia. Seria uma verdadeira catástrofe humanitária.

Aliás, o mesmo aconteceu em outros países cujos governos foram derrubados pelos EUA (Afeganistão, Iraque, Líbia, Síria...) e se alguém pensa que o Império Neonazista dos EUA está preocupado com isso, estão muito enganados. 

Isso faz parte da política ianque de Desestabilização Permanente adotada pelos EUA contra países cujos governos não se submetem aos seus desígnios. 

Link:

Nenhum comentário: